Uncategorized

5 experiências extraordinárias na Chapada dos Veadeiros

Um dos destinos brasileiros mais fascinantes e exuberantes do país, a Chapada dos Veadeiros, uma região de cerrado situada ao nordeste do estado de Goiás, logo onde fica o coração do Brasil e o ponto mais alto do Planalto Central, é lar de algumas das mais lindas paisagens, incluindo cachoeiras, poços naturais e rios cristalinos, formações rochosas de mais de um bilhão de anos, comunidades de antigos escravos, presença de cristais de quartzo e pinturas rupestres, e muito, muito mais. Por isso, não só é um dos principais polos de ecoturismo no país, mas é até mesmo um grande polo de esoterismo, uma vez que é considerada fonte de fortificação e curas espirituais para grupos de místicos, espiritualistas etc.

Entre tantas atrações exóticas e impressionantes que você pode conhecer em uma viagem para a Chapada dos Veadeiros, o Desviantes, agência especialista em turismo de aventura e ecoturismo, selecionou alguns passeios que viajante nenhum pode deixar de fazer durante a visita para lá! Com isso, confira aqui as cinco experiências mais extraordinárias que não podem ficar de fora do roteiro nesse incrível destino.

1. Caminhadas nas rochas exóticas do Vale da Lua

Um dos principais e mais fascinantes atrativos da Chapada dos Veadeiros, o Vale da Lua é um conjunto de formações rochosas, esculpidas pelas corredeiras das águas do rio São Miguel por mais de 600 milhões de anos até que formaram o aspecto que tem hoje, que se assemelham ao das crateras lunares – daí a origem de seu nome. O acesso até esse verdadeiro fenômeno natural é através de uma caminhada leve de apenas quinze minutos até chegar às suas pedras de granito e também às piscinas naturais, onde você pode sentar e se banhar em águas muito cristalinas.

2. Trilha para contemplar a cachoeira Saltos do Rio Preto

Há dois percursos diferentes que você pode optar por fazer para chegar a uma das maiores e mais incríveis quedas d’água da Chapada dos Veadeiros. Primeiramente, é importante saber que a cachoeira é composta por dois saltos livres – a primeira queda, com 120 metros de altura, fica localizada em uma área do Parque da Chapada que não está aberta para visitação, portanto, deve-se fazer uma trilha curta de apenas quatro quilômetros, mas que inclui subidas íngremes, para chegar a um mirante natural de onde pode-se ter uma belíssima vista panorâmica da queda de um ângulo de cima; já o segundo salto possui 80 metros de altura, o que significa que é mais seguro de chegar perto da queda e, por isso, a trilha que vai até ela, com apenas dois quilômetros a mais que a primeira trilha (seis no total), dá acesso ao poço de 200 metros de diâmetro, formado por ambos os saltos, ideal para se refrescar com um mergulho após toda essa caminhada.

3. Conhecer a Comunidade Kalunga

As atrações da Chapada não se resumem somente à natureza – existe também uma abundância de cultura e história para conhecer por lá. O maior exemplo disso é a comunidade Kalunga, formada por quilombolas, ou quilombos, que são antigos escravos que fugiram do cativeiro e, hoje, vivem na região da Chapada dos Veadeiros já há mais de 200 anos, sobrevivendo com a renda do turismo local, de plantações e produções, do artesanato e muito mais. A área ocupada por eles chega a abranger mais de 230 mil hectares de cerrado protegido, sendo a maior comunidade remanescente de quilombo do Brasil e foi reconhecida oficialmente pelo governo de Goiás como patrimônio histórico e cultural brasileiro (o Patrimônio Cultural Kalunga). Por isso, os descendentes de quilombolas são capazes de manter toda sua tradição e cultura vivas, e o passeio que leva os turistas até essas comunidades não só ajuda a conscientizar a população como também é uma excelente forma de gerar renda para que o povo Kalunga continue sobrevivendo por lá.


Foto: Ion David

4. Nadar nas águas verde-esmeralda da cachoeira Santa Bárbara

Este é provavelmente o atrativo mais famoso da Chapada dos Veadeiros, e é fácil de entender o motivo – apesar de não ter uma queda muito alta, com trinta metros de altura, seu poço é o grande destaque dessa atração graças à sua beleza estonteante. Trata-se de uma piscina natural profunda, ótima para mergulhos, que contém sais de carbonato, causando precipitação de partículas e fazendo com que a água reflita a cor da vegetação – e, como resultado, o poço ganha essa coloração maravilhosa de verde-esmeralda que atrai tantas pessoas à cachoeira. Inclusive, a atração é tão popular que possui capacidade limitada de visitação, sendo o tempo máximo de permanência de até uma hora e meia.

5. Contemplar os 7 poços exuberantes no Complexo das Loquinhas

O Complexo das Loquinhas, ou a Cachoeira das Loquinhas, é uma atração esplêndida, digna de cenário de filme. Como está situada dentro de uma propriedade particular no município de Alto Paraíso, é necessário pagar uma taxa de aproximadamente R$20 antes de entrar no complexo – que, aliás, conta com excelente estrutura turística – e começar uma trilha muito fácil, de menos de um quilômetro, que irá lhe levar a sete exuberantes poços naturais de águas extremamente cristalinas e de tons verde-esmeralda. Uma paisagem realmente de tirar o fôlego!

Apesar de serem somente cinco experiências, há ainda centenas de outros passeios e atrativos igualmente extraordinários que você pode conhecer na Chapada dos Veadeiros. Não irá lhe faltar opção nesse destino absolutamente imperdível!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *